Você está comprando imóvel?

Você está comprando imóvel?

Comprar um imóvel novo é um investimento altamente vantajoso, já que traz segurança, tranquilidade, liberdade e conforto. Mas essa ainda é uma decisão que deve ser tomada com muito cuidado, já que o financiamento compromete boa parte de sua renda. Porém, é possível utilizar os recursos do FGTS e aplicar dicas específicas para amenizar os seus custos.

Se você pretende adquirir um imóvel novo, então acessou a publicação certa. Neste post expomos como você deve planejar essa compra, como utilizar o FGTS a seu favor e, no fim, quais são os custos envolvidos no processo. Confira!

Como devo planejar a compra de um imóvel?

Não basta a boa vontade para sair do aluguel e conseguir sua independência, é preciso seguir dicas específicas que garantirão a realização do sonho. Confira-as.

Organize suas contas e poupe

Pouquíssimas pessoas têm dinheiro para comprar um imóvel à vista, sendo a opção mais viável dar um valor razoável de entrada e financiar o restante.

Para isso, anote todos os rendimentos que você e aqueles que contribuirão para a compra (como cônjuge) recebem mensalmente. Depois anote suas despesas mensais, retire tudo que for supérfluo e verifique quanto você terá disponível para arcar mensalmente com um financiamento.

Essa organização é importante pelo fato de que deixar de fazer um pagamento pode sujar o seu nome, arcar com multas ou até mesmo com a tomada do imóvel.

Procure o imóvel perfeito

O segundo passo é encontrar o imóvel ideal para você e sua família. O preço não deve ser o fator mais importante nesse investimento, mas sim o custo-benefício, ou seja, o retorno que terá pelo valor pago. Assim, é importante considerar:

  • localização: observe a infraestrutura de lazer, transporte público, comércio próximo e a segurança do bairro;
  • imóvel na planta: são aqueles ainda estão em construção, costumam ser mais econômicos que um imóvel pronto;
  • condição: consiste na decisão se o imóvel será usado ou novo, sendo que os primeiros são mais econômicos, enquanto os segundos são mais modernizados e não precisarão de reforma por um longo prazo.

Contrate um serviço de assessoria imobiliária

A assessoria imobiliária é um serviço que auxilia o comprador em todo seu processo de aquisição de imóveis, incluindo comparação de taxas bancárias, negociação com as instituições bancárias, identificação do imóvel mais adequado para seu perfil e muito mais. Com a assessoria, você eliminará seus problemas no processo, identificará financiamentos mais econômicos etc.

Como funciona o FGTS para aquisição de imóveis?

Você já deve ter ouvido falar que é possível utilizar o FGTS para comprar seu primeiro imóvel. Na prática, utiliza-se um capital que o empregador deposita em nome do cidadão enquanto ele trabalha.

O montante pode ser utilizado para adquirir imóvel comercial ou residencial, comprar terrenos, adquirir material de construção, aumentar ou reformar uma casa. O valor limite (em 2019) é de até 1,5 milhão em todo o país e essa opção traz amplos benefícios, como:

  • poder usar o saldo para diminuir o valor das parcelas mensais;
  • reduzir em até 80% do valor da prestação;
  • poder renovar a operação anualmente;
  • no caso de prestação em atraso, o FGTS pode ser usado para evitar perda do imóvel.

Em relação às condições para poder aproveitar do crédito, são elas:

  • o comprador que trabalhou, no mínimo, 3 anos sob o regime do FGTS;
  • não pode utilizar de outro financiamento pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH);
  • não ter outro imóvel no município que reside ou trabalha (inclui municípios limítrofes).

Quais são os custos envolvidos na aquisição de um imóvel?

Além de organizar suas finanças para arcar com o financiamento, é importante saber quais são os gastos que você pagará antes e depois da aquisição do imóvel, confira-os:

  • documentação: consiste nos gastos com o Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), que varia de acordo com o valor do imóvel e sua localidade, bem como obtençaõ de licenças e realização de registros no cartório de registro de imóveis;
  • imposto predial territorial urbano (IPTU): tributo cobrado anualmene pela prefeitura anualmente, que também varia conforme as características do imóvel.
  • mudanças: você também arcará com uma transportadora para mover seus bens ao novo imóvel.

O gasto mais importante a ser calculado é o custo do Financiamento, que inclui a taxa de juros, seguros obrigatórios, amortização, taxa de referência etc. Nesse quesito ter o apoio da assessoria imobiliária da LM CASE é essencial para comparar e negociar as taxas do seu financiamento, de forma que o máximo de dinheiro seja economizado.

O sonho de adquirir um imóvel novo pode estar mais próximo que você imagina, já que você pode utilizar os recursos do FGTS a seu favor. Entretanto, é importante contratar uma boa assessoria para negociar taxas bancárias mais econômicas.

Entenda mais sobre o funcionamento e os benefícios da assessoria imobiliária no nosso artigo sobre o assunto!

Precisou de assessoria?

Fale Conosco

Atendimento:
De Segunda à Sexta
Das 09:00 as 18:00hs.
Fone: (11) 5539.2246

Os comentários estão encerrados.

Open chat